Cimegripe: Bula, Indicação, Efeitos Colaterais, Como Usar

Conheça Tudo Sobre o Cimegripe, Um Medicamento Eficaz Contra Os Sintomas Comuns de Resfriados e de Gripe. Confira Quais São os Efeitos Colaterais, o Modo de Usar e a Indicação.

O Cimegripe é um remédio específico para aliviar todos aqueles sinais indesejados da gripe e dos resfriados. Atua efetivamente na redução de dores e febres. Tem efeito dentre de 15 min posteriores a administração do medicamento. Confira as demais informações!


Cimegripe: Quais as Indicações?

Cimegrip

O Cimegripe tem indicação para tratar os sinais de resfriados e gripes. O remédio é utilizado para aliviar os seguintes sintomas destas condições:

  • coriza;
  • febre;
  • dores de cabeça;
  • congestão nasal;
  • dores de cabeça;
  • dores nos músculos.

O medicamento, em questão, tem efeito a nível do sistema nervoso central, de maneira a promover a redução de febres e sensibilidades à quaisquer dores.

Ainda, promove o bloqueio de determinados elementos liberados pelas ações alérgicas, reduzindo a coriza, o edema e a rinite. Com isso, possibilita que haja o descongestionamento do nariz. O começo da ação do remédio acontece numa média de 15min posteriores ao consumo.

Apresentações do Cimegripe

  • Embalagem que apresenta 400mg do Paracetamol, 4mg do Maleato de Clorfeniramina e 4mg de Cloridrato de Fenilefrina – com 20 ou 100 drágeas.

Utilização oral e adulta.

Paracetamol

Esta substância é um elemento com ação anti-inflamatória não-esteroidal que pertence à categoria dos que derivam de “p-aminofenol”, com efeito antipirético e analgésico.

A substância consegue inibir a síntese de prostaglandinas, por meio do ácido araquidônico, em virtude do bloqueamento das enzimas de Cicloxigenase (COX).

Os elementos de prostaglandinas, por conseguinte, caracterizam-se mediadores de caráter inflamatório que se envolvem no procedimento de gerar e transmitir dores, no centro ou de forma periférica. Além disso, também atuam na regulagem da temperatura do corpo, a grau central.

Cloridrato de Fenilefrina

A substância, em questão, trata-se de uma amina simpatomimética, que apresenta ação direta ao receptor adrenérgico. Em relação a questão química, a substância só é diferente da adrenalina em virtude de não apresentar um agrupamento hidroxi no posicionamento 4 de anel benzênico.

O elemento é um adrenérgico, com ação principal de ativação dos receptores vasoconstritores, o músculo relaxado gastrintestinal liso, e etc.


Estas substâncias têm ação direta no sistema nervoso simpático, por meio de sinapses da norepinefrina. Esta apresenta ação nos receptores póssinápticos α, provocando a ação de vasoconstritores, redistribuindo fluxos de sangue local e reduzindo edemas de mucosa do nariz.

Desse modo, drenar e ventilar fica melhor, bem como a respiração acontece mais fácil.

Maleato de Clorfeniramina

Esta substância deriva de alquilaminas, que pertence a categoria de antagonistas de receptores histamínicos H1.

As substâncias anti-histamínicas da categoria antagonistas H1 fazem a redução ou inibição do efeito histamínico por meio do bloqueamento reversível e competitivo de receptores H1 na região tecidual.

Isso deve acontecer sem interferências na síntese ou em momento de liberar o elemento. A histamina é caracterizada como uma das mais poderosas substâncias autacóides que se presenciam no corpo.

Ela se responsabiliza pelo surgimento dos sinais de efeitos alérgicos, como a elevação da capilar permeável, pruridos e vermelhos cutâneos.

Efeitos Colaterais do Cimegripe

As reações adversas do medicamento, em questão, correspondem aos seguintes sintomas:

  • náuseas;
  • sono;
  • tonturas;
  • dores oculares;
  • palpitação;
  • secura da boca;
  • desconforto gástrico;
  • tremores;
  • diarreia;
  • sede.

Dentre os efeitos mais raros, é possível sentir os seguintes sintomas:

  • ardência nos olhos;
  • agitação;
  • gases;
  • vista turvada;
  • suor excessivo;
  • fadiga;
  • irritação estomacal.

Informar ao seu especialista o surgimento de reação indesejável pela utilização da medicação. Não faça o uso deste remédio em situação de patologia cardíaca, hipertensão e glaucoma.

Não faça uso de outros medicamentos que apresentem o Paracetamol, o álcool ou em situação de patologia de teor grave no fígado.

Contraindicações do Cimegripe

Este medicamento tem contraindicação para aqueles que apresentem hipersensibilidade aos compostos do remédio, bem como:

  • hipertensão;
  • glaucoma;
  • diabetes;
  • patologia dos rins crônica;
  • hipertrofia da próstata;
  • disfunção da tireoide;
  • insuficiência hepática grave;
  • lactação;
  • gravidez.

Há também a contraindicação aos que tenham menos de 18 anos. O remédio não deve ter uso por mulher em etapa gestacional sem a recomendação de um especialista.

Como Usar o Cimegripe?

Utilização oral e adulta.


  • uma cápsula, 4h em 4h.

Consumir o quantitativo suficiente do líquido para que engula o medicamento. O máximo, por dia, de cápsulas são 5.

O tratamento deve durar até o prazo em que os sinais continuem aparentes, observando o limite de, no máximo, três dias ou de acordo com o parecer de um especialista.

Seguir de forma correta o modo de uso é imprescindível. Em situação de dúvida a respeito da medicação, procurar recomendação e auxílio de especialistas. Em caso de não desparecimento dos sinais, consulte um médico.


Cimegripe é Antibiótico?

Não. O medicamento, em questão, trata-se de um analgésico, com função antitérmica e antialérgica, que consegue sanar as condições desconfortáveis dos resfriados e de gripes. Ele alivia dores, febres e descongestiona o nariz. O remédio não apresenta função antibiótica.

Atente-se aos cuidados com sua saúde sempre. Faça exames anuais, mantenha uma dieta balanceada e busque métodos de se exercitar diariamente!

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.