Omenax – Bula, O Que é, Indicações, Contraindicações

Omenax é um medicamento que tem como princípio ativo o omeprazol, substância amplamente utilizada no tratamento de doenças que afetam o estômago.

Para saber os detalhes sobre esse remédio vendido no formato de cápsulas gelatinosas e produzido pelo laboratório Geolab, confira nosso artigo.


Para Que Serve o Omenax?

Omenax

O Omenax é recomendado para tratar problemas relacionados ao aumento do nível de ácido estomacal. Dessa maneira, esse medicamento é indicado para tratar:

  • Úlceras gástricas (que afetam o estômago);
  • Úlceras duodenais (que afetam o intestino);
  • Refluxo gastroesofágico (situação na qual o suco gástrico do estômago faz um movimento de volta para o esôfago);
  • Úlceras relacionadas às infecções provocadas por uma bactéria chamada Helycobacter pylori;
  • Dispepsia (uma condição que provoca aumento da acidez estomacal, arrotos, indigestão e azia);
  • Sangramento do trato gastrintestinal superior.

O uso do omeprazol, princípio ativo desse medicamento, em alguns momentos é indicado para tratar uma doença chamada de Zollinger-Ellison, que acontece a partir do momento em que o estômago começa a produzir ácido em níveis elevados.

Como Esse Medicamento Age?

O Omenax, por ter como princípio ativo o omeprazol, age na redução dos níveis de ácido produzidos pelo estômago fazendo com que, automaticamente, seja possível aliviar os principais sintomas relacionados às doenças mencionadas acima.

Composição da Fórmula

Cada cápsula de Omenax é composta das seguintes substâncias:

  • Omeprazol (princípio ativo);
  • Excipientes: fosfato de sódio, sacarose, talco, manitol, carbonato de cálcio, ácido metacrílico, laurilsulfato de sódio, dióxido de titânio, hipromelose, água purificada, ftalato de etila, hidróxido de sódio, gelatina, corante vermelho, corante amarelo, polissorbato 80, corante azul brilhante, corante azobubina, propilparabeno e metilparabeno.

Contraindicações do Omenax

O Omenax, assim como a maioria dos medicamentos indicados para problemas estomacais, embora apresentem grande eficácia no alívio de sintomas e auxílio na resolução das causas dos problemas, não deve ser usado nos casos de pessoas que apresentam algum tipo de predisposição alérgica a qualquer uma das substâncias presentes na fórmula desse medicamento.

Efeitos Colaterais Apresentados

Os efeitos colaterais do Omenax também devem ser considerados pelos pacientes que necessitam utilizar esse medicamento.

Vale ressaltar que a ocorrência desses efeitos e intensidade apresentada por eles varia de acordo com as condições gerais do organismo de cada paciente. Vejamos quais são eles.


Efeitos Comuns

  • Dor abdominal;
  • Náusea e/ou vômito;
  • Dor de cabeça;
  • Constipação intestinal;
  • Diarreia;
  • Gases;
  • Regurgitação;
  • Tontura;
  • Erupções cutâneas;
  • Fraqueza;
  • Tosse;
  • Infecção no aparelho respiratório superior;
  • Dor nas costas.

Efeitos Incomuns

  • Sonolência excessiva;
  • Sensação de formigamento;
  • Crises de insônia;
  • Tontura;
  • Aumento da quantidade de enzimas hepáticas;
  • Coceira;
  • Erupções cutâneas;
  • Crises de urticária;
  • Sensação de mal-estar.

Efeitos Raros

  • Agitação;
  • Agressividade;
  • Confusão mental;
  • Quadros depressivos;
  • Alucinações;
  • Crescimento das mamas (em homens);
  • Redução do número de plaquetas no sangue;
  • Boca seca;
  • Diminuição dos glóbulos brancos no sangue;
  • Redução das células sanguíneas;
  • Encefalopatia hepática (ocorre em pessoas que apresentam insuficiência hepática grave preexistente);
  • Insuficiência hepática;
  • Hepatite;
  • Dores nas articulações;
  • Dores musculares;
  • Fraqueza muscular;
  • Aumento da sensibilidade à luz;
  • Aparecimento de manchas, bolhas ou ulcerações;
  • Redução da concentração de sódio no sangue;
  • Alterações no paladar;
  • Visão turva;
  • Edemas periféricos;
  • Transpiração excessiva;
  • Reações relacionadas à hipersensibilidade (febre, angioedema, broncoespasmo, choque anafilático e nefrite intersticial);
  • Queda capilar;
  • Necrólise epidérmica tóxica;
  • Síndrome de Stevens Johnson (uma forma grave de reação alérgica, na qual ocorrem bolhas em mucosas e áreas maiores do corpo).

Cuidados Gerais ao Ingerir Esse Medicamento

Cuidados Com a Alimentação

Além de ingerir Omenax e demais medicamentos indicados para o tratamento de doenças estomacais, é primordial fazer adequações na dieta e evitar o consumo de alimentos e bebidas que prejudiquem o sistema gastrointestinal.

O ideal é que o médico faça uma lista dos alimentos permitidos e proibidos de acordo com o quadro clínico de cada paciente.

Esse cuidado diário é essencial para resolver as causas e eliminar os sintomas das doenças que afetam o sistema digestivo.

Informar ao Médico o Uso de Outros Medicamentos

Devido às consequências de possíveis interações medicamentosas, pessoas que estão ingerindo um ou mais tipos de medicamentos (contínuos ou não), devem sempre informar essa condição ao médico antes de iniciar o consumo de Omenax.

Ingestão de Água

Além de uma alimentação adequada, as pessoas que sofrem com problemas estomacais devem dar ainda mais atenção ao hábito de ingerir 2 litros de água todos os dias.

Essa medida simples ajuda no equilíbrio dos ácidos estomacais e ainda ajuda na eliminação de uma série de toxinas do organismo e demais agentes prejudiciais para a saúde, tais como bactérias, fungos, vírus etc.

Diabéticos

Pelo fato de Omenax conter açúcar, esse medicamento deve ser usado com cautela pelas pessoas que sofrem de diabetes.

Pessoas que sofrem com qualquer tipo de problema de saúde precisam informar ao médico essa condição antes de iniciar o tratamento com Omenax.

Por Que Consultar Um Médico?

Pessoas que sofrem com doenças estomacais necessitam contar com acompanhamento médico frequente, já que elas podem se agravar e gerar problemas ainda piores.

Caberá ao médico determinar o tratamento mais adequado de acordo com as condições clínicas do paciente e resultados esperados no curto, médio e longo prazo.

Caberá ao médico também prescrever mudanças na alimentação e solicitar exames periódicos (laboratoriais e de imagem) para acompanhar a evolução do paciente.

Ações Que Ajudam no Tratamento

Além do tratamento prescrito pelo médico, é necessário que o paciente adote outras medidas para evitar o excesso de acidez estomacal. Essas medidas são:

Aprender a Lidar Com o Estresse

Períodos contínuos de estresse estão entre os principais vilões causadores de problemas estomacais.


Por isso, para evitar desconfortos e doenças, é preciso aprender a lidar com o estresse no dia a dia por meio de mudanças na rotina, realização de terapias, técnicas de relaxamento etc.

Reduzir o Consumo de Bebidas Alcoólicas

Diminuir o consumo de bebidas alcoólicas é outra medida de suma importância para evitar uma série de complicações oriundas de doenças estomacais.


Depois de saber sobre Omenax,  compartilhe esse conteúdo com outras pessoas para que elas também fiquem bem informadas quanto às indicações e cuidados necessários em relação ao uso desse medicamento.

Para que os medicamentos possam ser comercializados, eles devem ser registrados na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Em casos de dúvida, verifique no portal da Agência em “Consulta de Produtos”, pois pode ser um medicamento irregular ou falsificado.