Novamox: O Que é, para Que Serve e Como Usar

Novamox afasta de você os sintomas mais desagradáveis de processos infecciosos, como: febre, dores pelo corpo, fadiga, etc.

Novamox

Esse remédio se trata de uma medicação antibiótica, indicada para combater diversos processos infecciosos, que são ocasionados por bactérias. Entre as doenças tratadas pelo medicamento estão:


  • Infecções bacterianas comuns;
  • Infecções respiratórias baixas;
  • Infecções respiratórias superiores – o que inclui problemas no nariz, garganta, ouvidos (otites e tonsilites);
  • Amigdalites;
  • Infecções respiratórias inferiores;
  • Broncopneumonia;
  • Ciscite;
  • Infecções de tecidos moles, como celulites;
  • Infecções ocasionada pelo ataque de insetos e animais;
  • Inchaços dentários graves; entre outras.

E Como Funciona Novamox?

A medicação contém como principal substância a amoxicilina – um potente antibiótico para combater infecções bacterianas. Além do Clavulanato de Potássio, que se trata de um agente betalactâmico, com capacidade de inibir as enzimas betalactamases – que são produzidas pelas bactérias.

Dessa forma, a medicação combate bactérias resistente a diversos outros tipos de medicamento. Além disso, é capaz de eliminar vários tipos microrganismos, que pioram muito o quadro do paciente com a infecção.

Qual a Maneira Adequada de Usá-lo?

A forma mais indicada de fazer uso da medicação é aquela prescrita pelo médico. Porém, em geral, a forma mais usual para o medicamento é a ingestão de um comprimido de Novamox, 2 vezes ao dia.

No entanto, alguns pacientes necessitam de dosagens especais, como:

Pacientes que sofre de insuficiência nos rins

Pessoas que apresentam TFG 30 mL/min não necessitam de ajuste da dosagem. Já aqueles com TFG <30 mL/min não devem fazer uso do medicamento.

Pacientes que sofrem de com insuficiência no fígado

Indica-se receitar com muita cautela a medicação e fazer a monitoração do funcionamento do fígado em espaços regulares de tempo.

Além disso, vale destacar que a duração do tratamento com a medicação não deve ultrapassar 14 dias – a não ser com indicação médica. O uso do medicamento pode começar por vias parentais e dar prosseguimento, após alguns dias, com a preparação oral, feita com pó e água.

Já os comprimidos de Novamox devem ser tomados sem mastigar e ingeridos inteiros. Caso o paciente necessite da metade da dose, o medicamento deve ser partido na linha que fica no centro do comprimido.O remédio pode ocasionar alguns leves incômodos gástricos. Para evitar isso, recomenda-se ingerir a medicação após as refeições, com a ajuda de líquido.


Existem Contraindicações Para Novamox?

Sim, como toda medicação, em algumas situações o uso de Novamox está contraindicado, como:


  • Pessoas com histórico de reações alérgicas a agentes betalactâmicos, como as cefalosporinas e as penicilinas;
  • Pacientes que já sofrerem de icterícia – doença que deixa os olhos e a pele com tonalidades amareladas, além de atacar o fígado, os ossos, os olhos e a pele.

Posso Ter Reações Adversas?

O medicamento é, geralmente, bem tolerado pela maioria dos pacientes. Porém, como todos os tipos de medicações algumas pessoas podem apresentar reações adversas com o uso do medicamento. Entre elas estão:

Efeitos colaterais considerados muitos comuns (que ocorrem em menos de 10 usuários)

Diarreia.

Efeitos colaterais considerados comuns (que ocorrem entre q a 100 usuários)

Náuseas, Enjoos, Vômitos, Diarreia, Candidíase na pele e nas mucosas.

Efeitos colaterais considerados incomuns (que ocorrem entre 1 e 1.000 usuários)

Dores de Cabeça, Indigestão, Vertigens, Elevações moderadas de ALT e AST em pessoas sob tratamento com antibióticos betalactâmicos, Prurido, Urticária, Rash cutâneo, Alergias, Hipersensibilidade.

Efeitos colaterais considerados raros (que ocorrem entre 1 e 10.000 usuários)

Trombocitopenia reversível (redução de plaquetas no sangue), Leucopenia reversível (redução de leucócitos no sangue), Reações de hipersensibilidade, Eritema multiforme (vermelhidão na pele).

Efeitos colaterais considerados muito raros (que pode ocorrer em menos de 10.000 usuários)

Anemia, Agranulocitose reversível (Alteração aguda no sangue), Edema, Anemia com sangramento, Vasculite (Inflamação ou necrose dos vasos sanguíneos), Anafilaxia (Reação alérgica aguda e grave) e Angioneurótico (Crises repetidas de edema não inflamatório).

Também podem ocorrer: Convulsões, Colite, Icterícia, Hepatite, Necrose Tóxica, Síndrome de Stevens-Johnsons, Exantema Pustuloso (Erupção cutânea asséptica), Dermatite escamosa e com bolhas, Língua Pilosa Negra, Cristalúria (Cristais na Urina), Nefrite.

Novamox Pode Interagir com Outros Medicamentos?

Sim, Novamox possui interações medicamentosas, que podem interferir na sua eficácia e no tratamento do paciente. Alguns medicamentos podem exacerbar os efeitos do remédio, enquanto outros podem reduzir.

Portanto, antes de receitar a medicação, o médico deve avaliar o uso em conjunto de Novamox com as seguintes substâncias:

  • Cefalosporina;
  • Penicilina;
  • Alguns antibióticos;
  • Anticoagulantes orais – que podem prejudicar as funções dos rins e do fígado;
  • Medicações para combater fungos ou vírus; entre outras.

Vale ressaltar que durante o tratamento com o medicamento o paciente deve ter cautela para dirigir veículos ou ao operar máquinas. Isso porque a medicação pode interferir na capacidade de concentração.


O paciente também não deve fazer uso de bebidas alcoólicas enquanto estiver sob o tratamento com Novamox, pois isso pode prejudicar a sua recuperação e cura – além de deixar o usuário sujeito a diversas reações extremamente desagradáveis.

Como Posso Comprar Novamox?

Essa medicação que tem antibiótico na sua composição. Dessa forma, só é possível adquirir o medicamento com a apresentação e a retenção da receita médica.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.