Tylenol Sinus: Bula, Para Que Serve, Como Usar

Saiba Todas As Informações Sobre o Tylenol Sinus, e Aproveite Para Entender Como Usar, As Indicações e Contraindicações deste Medicamento! 

O Tylenol Sinus é um medicante para sinusite, gripe e resfriados, que reduzem os sinais como os seguintes:

  • coriza;
  • congestão nasal;
  • dores de cabeça;
  • febre;
  • dores no corpo;
  • dores de cabeça.

A composição apresenta os seguintes elementos:

  • cloridrato de pseudoefedrina – descongestionante nasal;
  • paracetamol – antipirético e analgésico;

Tylenol Sinus: Quais as Indicações?

Tylenol Sinus

O remédio tem indicação para pessoas da faixa etária adulta, para aliviar temporariamente os sinais que decorrem dos resfriados comuns e das gripes, como:

  • obstrução nasal;
  • mal estar;
  • dores de cabeça;
  • dores no corpo;
  • febre.

O medicamento apresenta a substância antitérmica e analgésica que tem comprovação clínica – paracetamol e uma substância descongestionante que apresenta efeito na congestão nasal – o cloridrato de pseudoefedrina.

A substância do paracetamol disponibiliza a função analgésica através do aumento do limiar das dores e antipirético por meio da região central do hipotalâmico que faz a regulagem da temperatura.

Este elemento se denomina amina simpatomimética que faz a drenagem da cavidade que fica nos seios do rosto, eliminando a congestão da mucosa do nariz.

Apresentações de Tylenol Sinus

  • Drágeas revestidas – embalagem com 24 drágeas;

Utilização adulta.

Cada drágea é composta por 500mg do paracetamol e 30mg do cloridrato da pseudoefedrina.


Efeitos Colaterais de Tylenol Sinus

O efeito adverso mais comum, observado em pesquisa clínica, corresponde a:

  • secura da boca;
  • nervosismo;
  • tontura;
  • náusea;
  • insônia.

Observaram-se os seguintes efeitos, muito raros – que acontecem em menos de 0,01% dos indivíduos que uso este remédio:

  • hipersensibilidade;
  • euforia;
  • reação anafilática;
  • ansiedade;
  • dores de cabeça;
  • arritmia;
  • taquicardia;
  • hiperatividade psicomotora;
  • palpitação;
  • dores abdominais;
  • vômitos;
  • diarreia;
  • coceira;
  • angioedema;
  • urticárias;
  • retenção da urina.

Contraindicações de Tylenol Sinus

O Tylenol Sinus tem contraindicação para pessoas menores de 12 anos, que apresentam a hipersensibilidade ao elemento pseudofedrina e ao paracetamol, bem como quaisquer outros elementos da composição.

Não se deve, também, ter o uso em pessoas que apresentem:

  • condições cardíacas;
  • hipertensão;
  • transtornos de tireoide;
  • diabetes;
  • hiperplasia de próstata.

Ainda, o medicamento não pode ter o uso por pacientes que consomem remédios inibidores de monoaminoxidase, como determinadas substâncias antidepressivas, ou para transtornos emocionais e psiquiátricos. Além disso, é contraindicado para a Doença de Parkinson, ou por 14 dias posteriores a finalização da utilização dos remédios, em virtude de provocar a elevação da pressão do sangue ou episódio de pressão alta.

Não deve ter a administração aqueles que estejam fazendo o uso do bicarbonato de sódio, porque podem aumentar agitação, a pressão e a taquicardia.

Outros fatores de riscos são as mulheres em período gestacional ou que estejam em período de amamentação, a menos que haja a prescrição médica.

Orientações Antes de Fazer Uso do Tylenol Sinus

Não utilize outra substância que apresente o paracetamol.

Este medicamento apresenta o amigo, e por isso, deve ter o uso de maneira cautelosa pelos diabéticos.

O remédio, ainda que possa ter o uso em período gestacional, o especialista deve ser consultado antes de realizar o uso. Informar a ele, também, se estiver em período de amamentação.

A dosagem deve ser consumida por tratamentos curtos. Não faça uso para dores por um tempo maior que uma semana ou para febres maiores de três dias, com a exceção da recomendação médica. Em caso de febres e dores que persistam, em caso de novos sinais presentes ou vermelhidões, interromper o uso. É imprescindível consultar o especialista, porque isto pode indicar a presença de patologia grave.

Em caso de tontura, insônia e nervosismo, descontinuar a utilização e consultar o médico.

Informar ao especialista o uso de quaisquer remédios que esteja fazendo o uso, antes ou durante o tratamento.

Se consumir três ou mais dosagens das bebidas com álcool diariamente, consultar o médico se há a possibilidade de consumir o medicamento ou demais substâncias analgésicas.

Pacientes de teor crônico das bebidas com álcool podem revelas riscos elevados das patologias de fígado, em situação de ingestão de dosagem maior que a indicada.

Como Usar o Tylenol Sinus?

É preciso seguir a prescrição do seu médico, antes de fazer o uso. Atente-se a dosagem correta para não existir problemas ou superdosagens.

Utilização Adulta e Pediátrica maior que 12 anos

Consumir duas drágeas entre quatro a seis horas, sem exceder o quantitativo de 8 drágeas; dosagens fracionadas num prazo de 24h, ou de acordo com recomendação médica.

Não pode ter o uso por tempo maior que três dias, em situação de febre ou maior que sete dias em situação de dores.

Não esqueça de seguir à risca todas as orientações do seu especialista, observando dosagens, horários e tempo de tratamento.

Tylenol Sinus é Bom Para Dor de Garganta?

O medicamento é específico para o tratamento das dores e demais sintomas de gripes, resfriados e sinusites. Se houver dores de garganta, é possível que o medicamento seja bom, sim. Porém, em caso de inflamação da garganta, pode haver a necessidade da prescrição de antibióticos – que não é o caso do medicamento, em questão.

Mantenha seus exames sempre em dia e cuide bem da saúde!