Pomada Minancora: Qual a Sua Composição, Para Que Serve, Como Usar e Benefícios

Quem não conhece a Pomada Minancora? Trata-se de um produto antigo e muito usado para diversas finalidades.

Apresentação e Composição

A Pomada Minancora tem apresentação em pomada/creme, na cor rosada e com odor característico. É comercializada em embalagens de 30 g e, atualmente, também está disponível em bisnagas contendo 80 g do creme.


O tradicional creme é composto por:

  • Cânfora: 0,050 g/g;
  • Óxido de zinco: 0,200 g/g;
  • Cloreto de benzalcônio: 0,005 g/g.

Além dos excipientes inativos: óleo mineral, cera de abelhas, corante CI 16255 em propilenoglicol, butilidroxitolueno, parafina.

Para Que Serve a Pomada?

Pomada Minancora

O creme está indicado para aliviar e ajudar no tratamento de diversos problemas. Entre os principais deles, podemos mencionar:

  • Tratamento de espinhas;
  • Tratamento de frieiras;
  • Tratamento de escaras;
  • Tratamento e alívio para picadas de insetos;
  • Alívio de urticária;
  • Tratamento de odores incômodos apresentados nos pés ou nas axilas;
  • Tratamento para o ressecamento excessivo dos pés;
  • Tratamento para pequenos e leves ferimentos na pele (como lesões e cortes); entre outros casos.

Há Contraindicações?

Apesar de estarmos falando de um cosmético e não de um medicamento, em alguns casos não se indica o uso da pomada. O produto  costuma ser contraindicado nas seguintes situações:

  • Uso em mucosas;
  • Utilizar o creme sobre a pele muito machucada, como ferimentos abertos;
  • Uso próximo os órgãos genitais e ânus;
  • Uso próximo aos olhos ou mesmo na face, pois pode haver irritação e vermelhidão;
  • Pessoas que apresentem sensibilidade ou reações alérgicas ao produto;
  • Pessoas com menos de 2 anos de idade; entre outras situações.

Há Interações Medicamentosas?

Até o momento não foram relatadas nenhuma interação da Pomada Minancora com medicamentos ou outras substâncias.

Mas caso o usuário perceba algum sinal estranho e acredite que se deva ao uso do creme, deve entrar em contato com a empresa fabricante, que avaliará o caso.

Formas de contato:


  • Ligar para o número de telefone 0800-477676, de segunda a sexta-feira, das 08h às 17h30;
  • Enviar um e-mail para [email protected];
  • Ou preencher o formulário eletrônico disponível no site oficial, que tem o mesmo nome que o produto.

Como a Pomada Minancora Surgiu?

A história da  Pomada Minancora começa no século XX,. Uma amostra do que viria a se tornar o famoso produto começou a ser estudada já início do século XX – assim que o ,farmacêutico de origem portuguesa, Eduardo Augusto Gonçalves, veio para o Brasil.

O imigrante português, ao chegar no país, passou a ter contato com toda a riqueza e a diversidade da nossa flora e fauna.

O imigrante, no ano de 1912, teve a ideia de misturar: óxido de zinco,  cloreto de benzalcônio e cânfora – para formular um produto capaz de realizar assepsia e acelerar a cicatrização de ferimentos, garantindo uma pele saudável.

Já no ano de 1915, Eduardo Augusto Gonçalves já estava com a fórmula da Pomada Minancora pronta. Também registrou o produto no então Departamento Nacional de Saúde Pública, com o nome que conhecemos a pomada hoje.

A partir de então, o produto passou a fazer sucesso pela sua eficácia e baixo custos. A Pomada Minancora passsa, então, a ser comercializada em diferentes regiões do país.

Aos poucos, o produto foi sendo conhecido em todo o Brasil e sendo usado pelos brasileiros, para funções diversas.

No ano de 1929, uma sede da empresa, batizada por Minancora, é aberta na cidade catarinense de  Joinville. Lá, o produto passou a ser industrializado.

Atualmente, o prédio se trata de um verdadeiro patrimônio histórico da cidade de  Joinvile e do estado todo de Santa Catarina.

No ano de 1994, uma nova unidade da empresa é inaugurada. Desta vez em Pirabeiraba (um pequeno distrito da cidade de Joinville). Nesse mesmo ano, a marca passa a investir fortemente em pesquisas de mercado. O objetivo era criar novos produtos para a pele, com base no sucesso da Pomada Minancora.

Novas linhas e produtos acabam sendo desenvolvido pela marca Minancora chegam ao mercado a partir do ano de 1997. O primeiro deles foi o Minancora Alívio para os Pés.

O produto, de acordo com o fabricante, tem a capacidade de combater bactérias e fungos, além de aliviar o cansaço e conferir alta hidratação.

A linha recebeu o nome de Minancora Action – que se trata de uma gama completa para os principais cuidados com a pele da face e do corpo em geral.

Dessa maneira, os consumidores passaram a contar com opções da Minancora para a solução de diversos problemas e necessidades da pele.

No ano de 2014, a empresa lança a linha Minancora Skincare – elaborada com a parceria da Catarinense Pharma, reformulando também a coleção Minancora Action.


Muitos novos cosméticos são desenvolvidos e lançados – tornando a marca mais abrangente.

Além disso, muitas das embalagens dos produtos das linhas foram reformulados para aumentar ainda mais as vendas, sendo mais atrativos para o público consumidor.

Hoje, a tradicional marca Minancora conta com produtos desenvolvidos com a tecnologia cosmética de marcas consideradas de luxo.

Apenas a Pomada Minancora não teve a sua embalagem reformulada. De acordo com informações do fabricante, o pote do produto faz parte do sucesso de vendas do item.


Atualmente, os produtos disponíveis no mercado são:

  • Pomada Minancora (tradicional);
  • Minancora Creme Desodorante Alívio para os Pés;
  • Minancora Action Sabonete Facial Adstringente Líquido;
  • Minancora Action Sabonete Facial Adstringente em Barra;
  • Minancora Action Esponja Esfoliante;
  • Minancora Action Creme Antiacne;
  • Minancora Action Tônico Facial.

Vale ressaltar que os produtos, como exceção da tradicional Minancora Pomada, não são recomendados para serem utilizados por pessoas com menos de 12 anos de idade.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.