Mioflex: Para Que Serve, Indicações, Reações Adversas, Contraindicações

Mioflex se trata de uma medicação indicada para o alívio e tratamento e diversas doenças das articulações. É recomendado para o uso oral e adulto.

Apresentação e Composição

Mioflex é fabricado pelo laboratório Cosmed e tem apresentação em comprimidos revestido. Há, no mercado, embalagens do medicamento que contém 6 ou 12 comprimidos revestidos.


Os princípios ativos do medicamento são:

  • Paracetamol: 300 mg;
  • Diclofenaco de sódio: 50 mg;
  • Cafeína: 30 mg;
  • Carisoprodol: 125 mg

Além dos excipientes: talco, amido, croscarmelose sódica, estearato de magnésio, povidona, laurilsulfato de sódio, estearato de magnésio e dióxido de silício.

Mioflex

Para Que Serve e Como Age

O medicamento, conforme já informado se destina a aliviar e tratar os efeitos incômodos de inflamações nas articulares, como o reumatismo. Também age aliviando dores que afetam os músculos e os ossos em geral.

Ainda reduz a imobilidade que as doenças que atinge essas partes do corpo produz.

Alivia sintomas de doenças como: a lombalgia, artrites reumatoides, osteoartrites, artropatias reumáticas, crises de gota, entre outros problemas.

Mioflex também tem a função de agir como medicamento coadjuvante em processos graves inflamatórios, ocasionados por infecções.

A medicação possui uma potente ação de relaxamento muscular, analgésica e anti-inflamatória sendo bastante prescrita para o tratamento do reumatismo.

A sua composição contém agentes importantes para aliviar e tratar as doenças e problemas citados, como: o Carisoprodol, que possui forte reação de relaxante muscular.

Contém também a Cafeína, que é um estimulante do Sistema Nervoso Central. A substância é capaz de levar impulsos de alerta ao cérebro, para que esse corrija a sonolência que o Carisoprodol apresenta.

Além disso, a cafeína é um potente medicamento contra a dor.

Já o Diclofenaco de Sódio tem a função anti-inflamatória. Com isso reduz a dor e, também, trata os sintomas inflamatórios de articulações, músculos e ossos em geral.

Por fim, o Paracetamol é um eficaz medicamento para a redução da dor, além de evitar estados febris e inchados.

Como Usar Mioflex

Mioflex deve ser usado conforme a prescrição médica. No entanto, os médicos costumam indicar um comprimido a cada 12 horas.

Caso o problema seja mais grave, o paciente pode ingerir 1 comprimido a cada 8 horas.

Não interrompa a medicação sem a autorização do médico, mesmo que os sintomas passarem. A duração do tratamento costuma ser de 10 dias.

Vale ressaltar que, em alguns casos, o tratamento requer mais tempo de duração. Nessas situações, o tratamento deve ser continuado após avaliação médica.

Além disso, ingira os comprimidos inteiros – sem partir, mastigar ou triturar com auxílio de líquido e, de preferência, após uma refeição, para evitar desconfortos gástricos.

Contraindicações

O medicamento costuma ser bem tolerado pela maioria dos pacientes. No entanto, como qualquer outro remédio, Mioflex pode ser contraindicado em algumas situações. As principais delas são:

Mioflex está contraindicado para pacientes que apresentem hipersensibilidade (alergia) a quaisquer dos componentes de sua fórmula; nos casos de insuficiência cardíaca (função prejudicada do coração), hepática (do fígado) ou renal grave (dos rins) e hipertensão arterial grave (pressão alta).


É contraindicado também para pacientes que têm hipersensibilidade aos anti-inflamatórios em geral e ácido acetilsalicílico, pois o uso da medicação pode causar urticárias, asma e rinites agudas.

Reações Adversas

Mioflex costuma ser bem tolerado pelos pacientes. No entanto, como qualquer outro tipo de medicação, algumas pessoas podem ter reações adversas desagradáveis ou mesmo perigosas com o uso do remédio. As principais reações adversas são:

Reações Adversas muito comuns (acontecem com > 1/10): elevação da quantidade de enzimas no fígado.

Reações Adversas comuns (acontecem > 1/100 e < 1/10): insônia, dor de cabeça, tontura, dor em geral, hemorragia gastrointestinal, úlceras, diarreia, enjoos, náuseas, retenção de gases, dores abdominais, edemas, retenção de fluidos do organismo, coceiras, rosto inchado, broncoespasmos, problemas de coagulação.

Reações Adversas incomuns (acontecem >1/1000 e < 1/100): vertigem, hipertensão, insuficiência cardíaca, irritação, ansiedade, agitação psicomotora, urticária, eczema, urticárias.


Reações Adversas raras (acontecem >1/10.000 e < 1/1.000): convulsão, pancreatite, meningite, hepatite, falta de ar, problemas no fígado, problemas nos rins, pancreatite, alterações auditivas, hepatite, alteração nas plaquetas no sangue em geral, anemia, necrólise.

Entre em contato com o seu médico, caso você apresente reações adversas incomuns e raras.

Isso porque as reações muito comuns e comuns costumam durar apenas alguns dias a contar da data do início do tratamento com a medicação.

Interações Medicamentosas

Mioflex apresenta interações medicamentos com mais de 100 remédios. Portanto, avise o seu médico qualquer medicamento que esteja tomando, para que ele possa avaliar o uso concomitante seguro para você.

As interações medicamentosas podem causar reações adversas de leves a moderadas e graves. Além disso, não ser recomenda a ingestão de bebidas alcoólicas durante o tratamento com o fármaco.

Vale saber que o medicamento pode alterar resultados de exames laboratoriais. Assim, avise sobre o uso do remédio e deixe de toma-lo cerca de 3 dias antes de se submeter a exames laboratoriais.

Uso por Pacientes Especiais

Mulheres grávidas não devem usar o medicamento durante os 3 primeiros meses de gestação.

Mulheres em fase de amamentação devem evitar o uso de Mioflex, pois os componentes da fórmula podem ser excretados pelo leite materna, causado eventuais danos ao bebê ou criança.

Pacientes com menos de 18 anos só devem usar o fármaco com autorização e supervisão de um médico.

Pessoas que sofrem de insuficiência nos rins ou insuficiência no fígado devem usar o medicamento com cautela – em geral é indicada a metade da dose usada por adultos saudáveis.

Pacientes idosos saudáveis não requerem alterações na dosagem da medicação.

Superdosagem

Caso o paciente ingira doses da medicação muito maiores do que as recomendadas podem apresentar sintomas como:

  • Convulsões;
  • Agitação psicomotora;
  • Delírios;
  • Alucinações;
  • Falta de ar;
  • Alterações graves nos rins e no fígado;
  • Desmaios.

Pacientes em superdosagem devem ser encaminhados o mais rápido possível a um estabelecimento de atendimento médico de urgências e emergências.

Medidas de suporte deverão ser tomadas para a segurança do paciente. Se possível, levar a bula ou a embalagem do medicamento e informar quantos comprimidos de Mioflex o paciente ingeriu e a quanto tempo.


Caso o paciente não possa ser deslocado, mantenha-o deitado com o pescoço levemente erguido, se ele apresentar falta de ar, para facilitar a passagem do oxigênio.

Entre em contato com o SAMU, no número 192. A ligação é gratuita e o atendimento funciona 24 horas.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.