Lactosil – Bula, O Que é, Indicações e Contraindicações

Lactosil, disponibilizado em pó e em tabletes, consiste numa enzima chamada lactase. Produzido pelo laboratório Apsen, esse suplemento tem sido um dos mais lembrados para melhorar as condições das pessoas que sofrem de intolerância à lactose. Para saber todos os detalhes sobre esse assunto, confira nosso artigo.

Para Que o Lactosil é Indicado?

Lactosil é indicado como forma de suplementação natural para adultos e crianças que apresentam algum nível de intolerância à lactose.


Esse suplemento permite melhores condições digestivas do açúcar, leite e seus derivados, evitando diversos tipos de desconfortos, tais como inchaço, dores, distensão abdominal e gases.

Lactosil

Como Ele Age?

A lactase presente no Lactosil trata-se de uma enzima que é produzida no intestino e responsável por fazer a quebra da lactose (açúcar contido no leite), auxiliando o organismo na absorção dessa substância.

Logo, ao ingerir Lactosil é possível melhorar o processo digestivo e evitar os efeitos provocados devido à deficiência na produção de lactase.

Composição da Fórmula

O Lactosil é disponibilizado na versão em 4.000 FCC ALU (unidades de lactase), que geralmente é indicado para crianças, e em 10.000 FCC ALU (unidades de lactase) que, de forma geral, é prescrita para adultos.

A lactase presente nesse suplemento é produzida por um fungo chamado de Aspergillus oryzae. Tanto no formato em tabletes quanto em pó, Lactosil não contém glúten e açúcar.

Contraindicações do Lactosil

O Lactosil não é recomendado para pessoas que apresentam riscos de reações alérgicas aos componentes contidos na fórmula desse medicamento.

Efeitos Colaterais

O Lactosil não apresenta possibilidade de efeitos colaterais desde que obedecidas às recomendações quanto à dosagem e forma de ingestão.

Cuidados Gerais ao Usar o Lactosil

Antes de ingerir Lactosil é importante ficar por dentro desses cuidados básicos que devem ser considerados. Vejamos quais são.

– Pelo fato de Lactosil não conter glúten ou açúcar, ele pode ser utilizado normalmente por indivíduos celíacos ou diagnosticados com diabetes.

– Caso ocorra agravamento dos sintomas ou quadros de má digestão, é necessário suspender o uso desse suplemento e consultar um médico.

– Gestantes e mulheres que estão amamentando devem, obrigatoriamente, consultar um médico antes de iniciar o consumo desse suplemento.

– Também é preciso consultar o médico antes de consumir Lactosil no caso de crianças menores de 3 anos.

– Pessoas que usam algum tipo de medicamento devem informar essa condição ao médico.

Como Usar o Lactosil?

A forma de consumir Lactosil depende do formato do medicamento. Vejamos em cada caso.

Tabletes

– Para a concentração de 10.000 FCC, o recomendado é considerar dosagem de 1 tablete.

– Para a concentração de 4.000 FCC, o indicado é considerar dosagem de 1 a 2 tabletes.

Cada tablete pode ser consumido das seguintes maneiras:


  • Ingerir inteiro;
  • Diluir em água fresca (mineral ou filtrada);
  • Dispersar o tablete diretamente em um alimento lácteo líquido (ex.: leite ou iogurte).

Sachê

– Para a concentração de 10.000 FCC, o recomendado é considerar dosagem de 1 sachê.

– Para a concentração de 4.000 FCC, o indicado é considerar dosagem de 1 a 2 sachês.

Cada sachê pode ser consumido das seguintes maneiras:

– Diluir em água fresca (mineral ou filtrada) e beber antes de ingerir alimentos lácteos.

– Diluir diretamente no leite ou em outras bebidas lácteas (ex.: iogurte natural), imediatamente antes de consumir o item lácteo.

– Pulverizar o Lactosil sobre alimentos lácteos de consistência sólida e ingerir.

É muito importante frisar que a dosagem ideal para cada paciente deve ser determinada por um médico ou nutricionista, já que é necessário escolher o FCC (unidades de lactase) conforme condições de cada indivíduo.

O tempo pelo qual esse suplemento deverá ser ingerido também é determinado pelo médico ou nutricionista, devendo-se observar as reações do paciente e benefícios observados quanto ao alívio dos efeitos da intolerância à lactose.

Por Que Consultar um Médico ou Nutricionista?

Por mais que Lactosil ofereça excelentes resultados para pessoas que sofrem de intolerância à lactose e favoreça o sistema digestivo, é fundamental contar com acompanhamento médico.

O motivo é que pessoas com intolerância à lactose devem adotar cuidados especiais quanto à alimentação com a finalidade de prevenir e combater o problema.

Além disso, pessoas que apresentam desconfortos gastrintestinais devem passar por uma consulta médica e realizar vários tipos de exames de laboratório e imagem para averiguar todas as possíveis causas de dores e desconfortos no sistema digestivo.

Ações Para Ajudar no Tratamento

O uso de Lactosil ou outros tipos de suplementos específicos para pessoas intolerantes à lactose não elimina a necessidade de adotar uma série de outros cuidados com relação à saúde. Vejamos quais são eles.

Adotar uma Alimentação Mais Natural

Uma alimentação mais natural, com grande quantidade de legumes, frutas e verduras (preferencialmente orgânicas) é uma das chaves para melhorar a saúde digestiva e do organismo como um todo.

Ricos em vitaminas, minerais e fibras, os vegetais fortalecem o sistema imunológico, previnem diversas doenças e ainda atuam no rejuvenescimento.

Beber Bastante Água

Beber 2 litros de água (mineral ou filtrada) é fundamental para a saúde do sistema digestivo, trazendo também grandes benefícios para o fígado e rins.


A água evita o acúmulo de uma série de toxinas no organismo, que podem agravar os quadros de intolerância à lactose e também provocar outros tipos de problemas.

Dormir Adequadamente

A qualidade do sono é um fator determinante para a saúde, e isso inclui o sistema digestivo e defesas naturais do organismo.

Dormir 8 horas por noite contribui também para a saúde hormonal e permite maior disposição para as atividades do dia a dia.

Manter o Peso Equilibrado

Cuidar do peso é essencial para ajudar o organismo a prevenir diversos problemas. Com as pessoas que sofrem de intolerância à lactose não é diferente.

Por isso, além de uma alimentação mais natural, a prática de uma atividade física proporciona ótimos resultados quanto à saúde e qualidade de vida do paciente.


Depois de saber sobre o Lactosil, compartilhe essas informações com outras pessoas para que elas também fiquem por dentro dos benefícios e cuidados necessários antes de utilizar esse medicamento.

Para que os medicamentos possam ser comercializados, eles devem ser registrados na Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). Em casos de dúvida, verifique no portal da Agência em “Consulta de Produtos”, pois pode ser um medicamento irregular ou falsificado.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.