Diane 35: Bula, Para que Serve, Como Usar?

Descubra todas as informações sobre o Diane 35, um anticoncepcional que atua na saúde feminina. Tire suas dúvidas e atente-se às indicações!

O Diane 35 é um medicamento anticoncepcional que apresenta 2 hormônios em sua composição. Cada blister é composto por 21 pílulas. A recomendação de uso é todos os dias, com intervalos de 7 dias, momento em que ocorre a menstruação, antes do início de novo tratamento.


Cada comprimido apresenta combinação de 2 hormônios:

Em virtude de seu pequeno quantitativo hormonal, o Diane 35 é caracterizado como uma medicação de baixa dosagem. O remédio de referência pode estar disponível pelas nomenclaturas de:

  • Diclin;
  • Selene;
  • outros.

Diane 35

Diane 35: Quais as Indicações?

O medicamento é indicado para o tratamento de patologias com relação a hormônios andrógenos em mulheres, como por exemplo, a acne. Sua eficácia é, principalmente, em casos de acne acompanhadas de muita oleosidade, inflamação e nódulo.

Além disso, a medicação é utilizada como tratamento em situações moderadas de excesso de pelos nas mulheres e, também, casos de cisto no ovário.

Para tratar a acne, este medicamento necessita ser utilizado somente quando o uso de antibióticos ou produtos tópicos não são recomendados.

Ainda que, esta medicação possua efeito contraceptivo, não é indicado sua utilização para este fim, somente. Contudo, em casos de mulheres que precisam tratar situações  andrógenas, o uso também é favorável para a prevenção de gravidez.

Apresentações do Diane 35

O Diane 35 é, comercialmente, encontrado pela apresentação:

Comprimidos

  • Caixa com 1 cartela contendo 21 drágeas;
  • Caixa com 3 cartelas contendo 21 drágeas, em cada.

Efeitos Colaterais do Diane 35

As ações adversas do medicamento em questão fazem a inclusão de:

  • dores abdominais;
  • náuseas;
  • elevação do peso do corpo;
  • depressão;
  • dores de cabeça;
  • modificações do humor;
  • dores nos seios;
  • retenção de líquidos;
  • redução da libido;
  • enxaqueca;
  • crescimento mamário;
  • urticária;
  • alergias;
  • intolerância a lentes de contato;
  • hipertensão;
  • derrame;
  • trombose;
  • aumento de gordura na corrente sanguínea;
  • pedras na vesícula;
  • tumores de fígado;
  • lúpus eritematoso sistêmico;
  • câncer cervical;
  • colite ulcerativa;
  • patologia de Cronh.

Contraindicações do Diane 35

A medicação não pode ter o uso em presença de situações mencionadas abaixo. Se apresentar quaisquer situações e sinais, informar o especialista de Ginecologia antes do início da utilização deste medicamento:


  • embolia pulmonar ou trombose, em algum momento da vida;
  • derrame cerebral;
  • ataque do coração;
  • riscos altíssimos de compor coágulos nas artérias e veias;
  • enxaquecas que seguem sinais de problemas neurológicos;
  • diabetes mellitus que apresentem lesões dos vasos da corrente sanguínea;
  • câncer mamário ou de demais órgãos genitais;
  • sangramentos vaginais sem explicações;
  • em caso de uso de contraceptivo hormonal;
  • situação ou suspeita de período gestacional ou em momento de amamentação;
  • alergias a quaisquer compostos do medicamento, em questão.

Como Usar o Diane 35?

O medicamento precisa ser consumido do seguinte modo:

  • Inicie um blister do medicamento a seguir o primeiro dia do ciclo menstrual;
  • Consuma uma pílula ao dia, na média de mesma hora, todos os dias, com água;
  • Siga a direção de flechinhas dispostas na cartela, de acordo com a ordem da semana, até consumir todos os comprimidos;
  • Faça um intervalo de uma semana;
  • No tempo de pausa, uma média de dois a três dias depois do consumo do último comprimido, pode acontecer sangramentos que se assemelham à menstruação;
  • Inicie um novo blister no oitavo dia, ainda que exista sangramentos.

Este é o modo adequado de fazer o uso do comprimido, em questão, de acordo com indicação clínica.

Esqueci de Tomar o Diane 35, e Agora?

Em caso de esquecer de fazer a ingestão correta, e que já tenham passado 12h do período de costume, o efeito contraceptivo do medicamento pode ter redução, ainda mais em caso de esquecer de tomar diariamente em etapa inicial do tratamento.

1ª semana

Tome a pílula esquecida logo que lembrar e continue consumindo as drágeas seguintes em mesmo horário.

2ª semana

Consuma a pílula esquecida logo que lembrar e continue ingerindo os comprimidos seguintes em período de costume.

3ª semana

Deixe de consumir as pílulas do blister vigente, faça um intervalo de uma semana, a partir do dia que esqueceu e inicie um novo blister.

Diane 35 é Bom Para Cisto no Ovário?

Para tratar a síndrome de ovário policístico, o medicamento promove o alívio dos sintomas andrógenos, desencadeando ao parâmetro endócrino normal, reduzindo a composição de cistos e volume dos ovários, bem como o auxílio na regulagem menstrual.

Diane 35 é Bom Para Acne?

Sim, este medicamento auxilia na eliminação de acnes. Em período de terapia com o medicamento, em questão, é possível que ocorra a redução da funcionalidade em excesso das glândulas de sebo do organismo, que promovem uma atuação importantíssima em relação ao desenvolvimento de seborreias e de acnes.


É geralmente um ato impulsivo ao resultado a erupção da acne que já existe na pele, de modo normal, percebida depois de uns dois a quatro meses do tratamento. Além disso, o óleo presente na pele de modo excessivo, costuma desaparecer o quanto antes. 


Faça uso dos medicamentos de maneira consciente. A automedicação pode causar riscos à saúde.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.