Clavulin: Bula, Para Que Serve, Efeitos Colaterais, Como Usar

Confira a atuação do medicamento Clavulin e identifique as informações necessárias, efeitos colaterais e demais apontamentos, antes de fazer uso do mesmo.

O Clavulin tem associação entre as substâncias do Clavulanato de Potássio e a Amoxicilina. De mesma forma que todas as substâncias antibióticas da categoria da penicilina, a amoxicilina é um medicamento que apresenta estrutura de moléculas em um anel denominado como “beta-lactâmico”.


Determinadas bactérias apresentam o desenvolvimento de resistência à amoxicilina pela produção da enzima, denominada por beta-lactamase, que tem a capacidade de destruição do anel, de maneira a desarranjar a estrutura das moléculas desta substância antibiótica, o que apresenta a ineficácia do mesmo.

O elemento do ácido clavulânico é um inibidor da “beta-lactamase”, que impede os elementos bacterianos produtores da enzima a inativação da amoxicilina. Por isso, adicionar o clavulanato à amoxicilina eleva o efeito da ação, de maneira a combater com eficácia a diversidade de elementos bacterianos.

Clavulin

Clavulin: Quais as Indicações?

O antibiótico tem indicação para tratar infecção bacteriana provocada pelos germes que apresentam sensibilidade a composição do medicamento.

O medicamento é uma substância bactericida para diversos tipos de microrganismos, tendo efetividade para as condições de:

  • infecção de trato respiratório – nariz, garganta e ouvido;
  • infecção de trato respiratório inferior – bronquite, pneumonia e etc;
  • infecção de trato geniturinário – uretrite, cistite, pielonefrites;
  • infecção da pele e de tecidos moles – abscessos, furúnculos, celulite, lesões infectadas;
  • infecção óssea;
  • infecção articulatória;
  • aborto séptico.

Ainda que este medicamento tenha a indicação somente para procedimentos de infecção, esta condição provocada pelos germes que apresentam sensibilidade à amoxicilina também são passíveis do tratamento com este antibiótico, em virtude da presença da substância em sua composição.

Dessa forma, a infecção mista, provocada pelos microrganismos que apresentam sensibilidade à amoxicilina e microorganismos que produzem “beta-lactamases” não podem ter a exigência da adição de outra medicação.

Apresentações do Clavulin

O antibiótico é comercializado nas seguintes apresentações:

  • Comprimidos 500mg + 125mg

Caixa contendo 14 ou 21 comprimidos;

Utilização Oral e Adulta.

  • Xarope 125mg + 31,25mg/5ml

Frasco contendo 70ml ou 140ml;

Utilização Oral, Adulto e Infantil a partir de 6 meses.

  • Xarope 250mg + 62,50mg/5ml

Frasco contendo 70ml ou 140ml;

Utilização Oral, Adulto e Infantil a partir de 6 anos.

Este medicação não deve ser administrado sem prescrição médica.

Efeitos Colaterais do Clavulin

As reações adversas mais comuns da substância amoxicilina é o sintoma da diarreia. Isto porque, quando a substância antibiótica é consumida em altas dosagens e por muito tempo, o sintoma acontece.


Os sintomas de maior frequência correspondem a:

  • diarreia;
  • colite pseudomembranosa;
  • candidíase;
  • náusea;
  • indigestão;
  • vômito;
  • urticária;
  • vaginite;
  • rash cutâneo.

A náusea, ainda que de teor raro, tem mais frequência em associação a dosagens altas pela via oral.

Contraindicações do Clavulin

O medicamento tem contraindicação para quem apresente histórico de reação alérgica, bem como:


  • hipersensibilidade às penicilinas;
  • icterícia em associação ao antibiótico;
  • demais penincilinas.

Como Usar o Clavulin?

A administração deste remédio é de acordo com a idade do paciente, seu peso e sua apresentação. Desta forma, as recomendações, geralmente, são:

Xarope 125mg + 31,25mg/5ml

  • Crianças menores de 1 ano:

2,5ml de 8 em 8h.

  • Crianças entre 1 e 6 anos pesando de 10 a 18kg:

5ml de 8 em 8h.

Xarope 250mg + 62,50mg/5ml

  • Crianças maiores de 6 anos pesando de 18 a 40kg:

5ml de 8 em8h.

Comprimidos 500mg + 125mg

  • Adulto e Infantil a partir de 12 anos:

1 comprimido de 8 em 8h.

Injetável

  • Adulto e Infantil a partir de 12 anos:

1g + 200mg de 8 em 8h. Em casos de infecção mais severa, pode-se utilizar de 6 em 6h.

Clavulin BD

A categoria antibiótica BD é um medicamento que apresenta princípios ativos a substância do clavulanato potássico e a amoxicilina. Trata-se de uma substância antibiótica de amplo efeito antibacteriano em combate a diversos destes elementos.

A categoria BD tem a mesma indicação, contraindicação e demais apontamentos que o medicamento, em questão. A diferença é apenas a nomenclatura que ressalta a dosagem diferenciada entre os dois: BD requer administração do remédio 2x por dia.

Clavulin Corta o Efeito de Anticoncepcionais?

A substância antibiótica reduz a absorção de determinados elementos na região intestinal e, portanto, reduz a ação do comprimido anticoncepcional. Desse modo, a recomendação é fazer uso das metodologias contraceptivas em período do tratamento.

Clavulin é Bom para Garganta?

O remédio apresenta em sua composição os princípios ativos de:

  • Clavulanato Potássico;
  • Amoxicilina.

Por isso, a substância antibiótica promove o tratamento infecioso comum e hospitalar, em que tais condições resistem a Amoxicilina, de maneira a necessitar de sal para o combate das mesmas.

A infecção pelo trato respiratório superior como nariz, a garganta e os ouvidos precisam, em primeira instância, ter o tratamento apenas com a substância da Amoxicilina. Ou seja, sem a composição do Clavulanato Potássico.


O medicamento, em questão, só apresenta a necessidade em casos de existência de determinada resistência do elemento em combate a amoxicilina em isolamento.

Lembre-se de que, o uso de quaisquer medicamentos, bem como os antibióticos, necessitam da prescrição médica. Consulte o seu médico e mantenha a saúde em dia!

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.