Caxumba: O Que é, Informações, Causas, Tratamentos

Confira Todas as Informações Sobre a Caxumba. Veja as Causas, Sintomas e Opções de Tratamento Para Esta Condição que Acomete a Saúde!

A Caxumba é uma patologia que é conhecida pelos inchaços causados na região do pescoço. Saiba o que é a parotidite, e de que forma é possível tornar esta condição menos dolorida.


Se você está apresentando sintomas como inchaço na mandíbula, próximo às orelhas, pode ser que esteja com a condição cientificamente denominada como parotidite.

O Que é Caxumba?

Caxumba

Esta doença, nada mais é, que uma infecção por vírus que prejudica as glândulas denominadas de parótidas.

Dentre os 3 pares destes elementos glandulares, a parótida é responsável pela produção da saliva. Elas se localizam entre orelhas e está posicionada na parte posterior a elas.

Entretanto, esta doença é capaz de prejudicar também os elementos glandulares sublinguais e submandibulares. Isto porque ambas estão próximas ao ouvido.

Trata-se de uma condição comum ao público infantil e é possível que prejudique os elementos glandulares.

A complicação desta patologia é raríssima, e de modo geral, acometem o indivíduo que já está em fase adulta da vida.

Não existe tratamento determinado para esta patologia. É importante, portanto, fazer a prevenção do surgimento com o auxílio de vacina.

A doença mais comum no país, antes de vacinações serem inventadas, era a parotidite.

Posteriormente a vacina ter incorporação ao calendário do posto de saúde, o quantitativo de casos teve um redução drástica.

Causas da Caxumba

O que causa esta doença corresponde a classe dos elementos paramixovírus. A transmissão acomete a saúde a partir da respiração, de forma precisa através da inalação de gotas de tosse ou espirro de indivíduos já contaminados.

Por meio do contato com tal substância infecciosa e o aparecimento de inchaços de glândulas de salivas, de modo geral acontecem em prazo de duas semanas a vinte e um dias.

Esta transmissão pode acontecer antes que os sinais se manifestem pelo indivíduo contaminado, pela média de 7 dias após o cenário de instalação do vírus.

De forma inicial, há a possibilidade de que somente uma lateral dos elementos glandulares tenha o prejuízo, porém, depois de dias, a outra lateral pode ter inflamação também. Isto pode variar de indivíduo para indivíduo.

A doença é provocada por vírus que começam a se espalhar de indivíduo para indivíduo através da saliva com infecção.

Caso você não tenha tomado a vacina, é possível que contraia a Caxumba ao falar com alguém, de forma muito próxima, que esteja infectada.

Isto pode acontecer também pelo beijo ou o compartilhamento de itens como toalhas, copos, pratos.

Quando infectado, o indivíduo pode ser um disseminador do vírus pelo tempo de 6 dias antes do surgimento dos sinais e até nove dias posteriores aos sinais visíveis.

O prazo de incubação corresponde entre duas semanas a vinte e cinco dias, sendo que a ocorrência fica entre dezesseis a dezoito dias.

Os humanos são os únicos hospedeiros naturais da doença, em questão.


Isto porque significa que há a possibilidade de contrair pelo contato com outro indivíduo com a infecção, não tendo a possibilidade de contração por plantas ou bichos.

Sintomas da Caxumba

Alguns indivíduos podem apresentar a patologia sem quaisquer sinais, ou ainda sintomas leves. Ao passo que ocorra o desenvolvimento dos sintomas, podem surgir geralmente depois de 2 a 3 semanas do contato a partir do vírus.

Os sinais mais importantes da patologia é o inchaço. Isto porque é ele que faz a certificação da doença. Contudo, os sintomas surgem também com:


  • dores de cabeça;
  • febre;
  • inchaço e dores nos elementos glandulares (ambas laterais ou apenas uma);
  • fraqueza;
  • cansaço;
  • perda do apetite;
  • dores ao deglutir ou ao realizar a mastigação.

Tratamento Para Caxumba

Confirmar esta patologia pode acontecer através do procedimento de testes de sangue para a identificação da presença dos anticorpos em combate ao paramixovírus.

Deste modo, pode-se fazer a exclusão da hipótese de outros problemas com manifestação de modo semelhante.

De mesma forma que grande parte das infecções por vírus, a doença tem tratamento de forma natural pelo corpo.

Este tratamento observa somente o alívio dos sinais, utilizando substâncias analgésicas e antitérmicas como Dipirona ou Paracetamol.

Geralmente, grande parte dos indivíduos da faixa etária adulta tem a recuperação sem complicação em 14 dias.

De todas as formas, há a recomendação do descanso até que melhore o sinal, bem como:

  • higiene da boca;
  • alimentos líquidos ou semi-sólidos.

É preciso, ainda, que se evite o consumo de suco ácido e alimentos de mesma categoria. Os condimentados também deve ser eliminados desta dieta de recuperação.

Isto porque eles são capazes de provocar uma elevação da secreção das parótidas. Além disso, causam as dores.

De modo geral, não há a consideração do contágio 7 dias depois do diagnóstico. Por isso, o retorno ao exercício cotidiano pode prosseguir sem problemas, após este tratamento.

Ao obter a cura da doença, o indivíduo obtém a imunidade a tal patologia, que não recorre.

Remédios Para Caxumba

Não há tratamentos pré-determinados para esta doença. O que se pode fazer é ir atrás de um acompanhamento do cenário pelo médio, a partir de remédios para os sintomas e muito descanso.

Isto porque ao repousar, você evita a complicação da patologia.

Caxumba Tem Cura?

O organismo promove a eliminação do vírus da doença ao longo dos dias. É, por isso, que é muito importante permanecer em descanso e seguir à risca o tratamento indicado pelo especialista.

Isto porque o tratamento indicado proporciona a cura íntegra da patologia.


A complicação da doença é, de forma potencial, rara e séria. Grande parte das complicações tem o envolvimento de inchaços e inflamações em determinada área do organismo. São elas:

  • pâncreas – provocando os vômitos e náuseas;
  • testículos;
  • seios;
  • ovários;
  • região cerebral – que pode desencadear um problemas de teor grave;
  • meningite – capaz de acometer o organismo, caso o vírus se espelhe por meio da corrente do sangue para a infecção do sistema nervoso central.

Se estiver apresentando os sintomas da parotidite, consulte um especialista para aliviar os sinais e descanse. Só isso pode evitar que a doença se complique. Saúde!

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.