Bombinha de Asma: Descubra o Que e Aprenda Como Usar

Quer saber quando se deve utilizar a Bombinha de Asma e qual sua finalidade? Acompanhe o texto e entenda os seus benefícios e contraindicações, antes de usá-la!

A Bombinha de Asma é o nome dado aos inaladores portáteis utilizados para a moderação da doença, capazes de entregar o medicamento, diretamente, ao órgão necessário, os pulmões.


Muito famosa por aqueles que sofrem de bronquite ou asma, o produto é uma forma de auxiliar a respiração dos indivíduos que apresentam defasagens do sistema pulmonar.

Atualmente, o uso da Bombinha de Asma é a maneira mais utilizada para o controle da patologia. Porém, muitas pessoas sentem medo desta apresentação devido a suposições ditas sobre sua administração e reações.

Entretanto, médicos especialistas asseguram que esta medicação é eficaz e segura e, para diversos casos, essencial para o controle de maneira positiva.

O Que é Bombinha de Asma

Bombinha de Asma

Normalmente, são broncodilatadores disponibilizados em várias nomenclaturas e fórmulas que auxiliam para que os sinais sejam equilibrados. É um inalador portátil de função broncodilatador, conhecido também como Bombinha de Asma e nebulímetro.

É, basicamente, um elemento que espirra o remédio para fora de sua embalagem, usado para inalar uma quantia necessária de medicamento atingindo diretamente os pulmões.

Desta forma, a medicação age de maneira momentânea e eficiente no organismo, equilibrando a asma.

São diversos os remédios utilizados desta forma, indicados para casos específicos. Com isso, antes de usar, é necessário a prescrição médica. Lembre-se que nenhum remédio deve ser consumido sem antes um parecer do seu médico de confiança.

Indicações da Bombinha de Asma

A medicação contida na Bombinha de Asma é indicada para o equilíbrio das contrações que ocorrem no tubo que leva o ar para os pulmões durante a crise asmática, crônica e brônquica.

Estes broncodilatadores são divididos em:

Longa Durabilidade

Broncodilatadores com longa durabilidade são utilizados para o equilíbrio da asma. Pode ser administrado somente com esteróides em função de controlar a longo período os sinais da patologia e, precisam ser administrados duas vezes ao dia.

Ação Rápida

Capazes de aliviar os sinais das crises asmáticas bem rápido, fazendo com que as vias respiratórias sejam dilatadas. Sua ação inicia-se em poucos minutos depois a inalação do medicamento e dura até 3 horas, geralmente.

Além disso, são muito utilizados para a prática de atividades físicas, prevenindo o surgimento de uma crise asmática.


Efeitos da Bombinha de Asma

As bombinhas para asma podem acarretar em alguns efeitos colaterais, tais como:

  • Dores no estômago;
  • Sensações de irritabilidade;
  • Insônia;
  • Dor muscular;
  • Cãibra;
  • Arritmia e palpitação;
  • Secura na garganta;
  • Vista embaçada.

Contraindicações da Bombinha de Asma

Os medicamento contidos nas bombinhas para asma, são contraindicados em casos de algum tipo de sensibilidade a fórmula ou qualquer componente presente.

Durante a gravidez, mulheres com asma precisam pedir auxílio médico para a melhor prescrição. Se necessário, a Bombinha de Asma pode ser utilizada, normalmente.

Se a asma não for equilibrada no período de gestação, é possível que falte oxigênio para o feto, resultando em um nascimento prejudicado com bebê abaixo do peso e prematuro.

Como Usar?

Independente do medicamento presente na Bombinha de Asma, é necessário que seja feito o uso de maneira correta. Acompanhe o passo a passo de como deve ser feita a inalação do broncodilatador.

  • Inalar, sentado ou em pé, de modo que a cabeça permaneça reta, para que o medicamento alcance de forma mais célere o diafragma;
  • Agitar o medicamento para a diluição correta;
  • Posicionar a bombinha corretamente;
  • Deixar espaçamentos entre o medicamento e a boca;
  • Respirar de forma correta;
  • Fazer uma inalada por vez.

Se a crise estiver muito forte e houver a necessidade de fazer mais que uma inalação, não liberar a medicação toda uma vez só pela mesma inalada.

Conforme estudos e médicos, esta ação pode atrapalhar a absorção da medicação, causando em alguns casos possíveis engasgos. Procure esperar pelo menos 1min entre uma inalada e outra.


Qualquer modificação provoca maiores deposições do remédio na garganta e boca, e menores em brônquios, de modo a comprometer a atividade broncodilatadora.

Bombinha de Asma Faz Mal?

Ainda que a palavra esteja na nomenclatura diminutiva, “bomba” sempre tem associação a questões negativas, como explosão e morte. Contudo, este aparelho é um tipo de spray inalador, que quando tem acionamento, promove a libração de pequenas dosagens do produto constante em sua região interna.

Outra probabilidade da razão por este parecer é o grande índice de óbitos registrados há muito tempo atrás pela utilização do remédio.


A razão do óbito pode acontecer em virtude de uma substância denominada como fenoterol, que tinha ação broncodilatadora, promovendo o aumento do ar que passava pelo pulmão. Hoje, a substância tem a devida proibição em grande parte do mundo.

Mas cuidado: a sua utilização ainda está liberada no Brasil, porém em situações supervisionadas por um médico.

IMPORTANTE: Esse conteúdo é apenas para fins educacionais e não substitui de forma alguma a orientação de um médico. Consulte sempre um médico.